Saiba quem é Bruna Rodrigues, a mulher que foi morta enquanto trabalhava no RN

As imagens são chocantes e já ganhou repercussão nacional. Um homem aparece encapuzado em uma loja no Centro de Parnamirim, no meio da tarde. Ele pergunta algo para uma vendedora, depois segue na direção de Bruna Rodrigues, 22 anos, que estava trabalhando. Ela parece o reconhecer, depois baixa a cabeça, aí ele puxa uma arma que estava na região de sua barriga, com a tranquilidade de quem tem certeza da impunidade.

A câmera de segurança do local registrou tudo, inclusive o exato momento em que ela foi morta a queima-roupa.

Bruna Rodrigues é mãe de Jonas Miguel, moça bonita e de cabelos longos, brutalmente assassinada. Ela tinha 22 anos, era natural de São Tomé, mas morava em Parnamirim, e gostava de exibir imagens de seu filho durante o dia-a-dia. Miguel morava com a irmã gêmea dela, no interior, pra ela poder trabalhar e trazer o sustento da família. As duas perderam a mãe há 3 meses, de câncer. A notícia é destaque no blog da jornalista Juliana Celli.

Em sua última postagem no Instagram, ela mostra o menino de 3 anos com uma música ao fundo que dizia “herança da vida, amor infinito”.

Nas redes sociais, um pedido por justiça de amigos e familiares, #JusticaporBruna, diz as mensagens pedindo que a polícia encontre o autor do crime e o prenda.

As suspeitas são de feminicídio.

Fonte: Blog da Juliana Celli

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.