RN registra aumento de 529% nos casos conhecidos de Covid em junho

O Rio Grande do Norte registrou um aumento de 529% no número de casos conhecidos de Covid e de 140% nas mortes pela doença em junho no comparativo com o mês anterior.

O levantamento foi feito pelo g1 e pela Inter TV Cabugi baseado nos dados dos boletins epidemiológicos da doença, que são publicados diariamente pela Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap).

Em relação aos casos, o estado teve, em junho, 19.905 novas notificações. Em maio, no mês anterior, foram 3.162 novos casos – 16 mil a menos.

LEIA TAMBÉM

O registro é o maior no estado desde o mês de fevereiro, quando o estado viveu um novo pico de contaminação em função da chegada variante Ômicron. Naquele mês, foram mais de 50 mil casos conhecidos.

Desde então, o Rio Grande do Norte registrava uma queda nos casos (veja gráfico abaixo).

Casos de Covid em 2022 no RN

Estado registrou aumento em junhoCasos conhecidosJaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunho010k20k30k40k50k60k

Fonte: Sesap

A média de casos por dia em junho foi de 663,5 – em maio havia sido de 102 notificações diárias.

Mortes

O número de mortes também subiu. Em maio, o estado havia registrado 27 óbitos pela doença e em junho chegou a 65 – tendo média de mais de duas mortes por dia.

A quantidade é a maior desde o mês de março, quando a Sesap registrou 71 mortes nos boletins (veja gráfico abaixo) .

Mortes por Covid em 2022 no RN

Número de óbitos voltou a crescer no estadoNúmero de mortesMortes por mêsJaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunho0100200300400

Janeiro
● Mortes por mês: 134

Fonte: Sesap

Nesta sexta-feira (1º) a Sesap informou que 885 novos casos da doença e um óbito na últimas 24 horas, em Baía Formosa.

Ocupação

Com o aumento de casos, a ocupação dos leitos críticos destinados à doença também cresceu. Nesta sexta-feira (1º), às 14h20, o estado tinha 76% das UTIs Covid da rede pública ocupadas.

É importante destacar que o RN tem atualmente, ao todo, 55 leitos críticos para a doença. Nos principais picos de internação da pandemia, em 2020 e 2021, quando a ocupação chegou a estar com 100% e ainda havia fila de espera, o estado tinha mais de 400 leitos de UTI em operação.

Diante da piora no nível da pandemia, o governo do RN e a prefeitura de Natal recomendaram em junho a volta do uso de máscaras em locais fechados.

Fonte: G1Rn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.